Quando Ele me disse "não"...

Quando no culto pela manhã, o pastor assumiu o microfone e disse que alguém que estava presente sabia do que ele estava falando quando disse que as vezes Deus diz não, logo me acusei. Gosto muito pouco de exposição, por isso achei melhor me abster e deixar que outro fosse lá. Mas não seria justo eu guardar para mim possíveis lições que vieram como consequências desse "não". As vezes a resposta que queremos simplesmente não vem no formato que esperávamos.

Recebi um "não" que doeu um bocado e para piorar, o meu pedido era para que fosse repetido um sim que eu já tinha recebido. Ou seja eu pedi uma vez e veio, ok, show de bola,
fiquei feliz. Então pedi a mesma coisa de novo e a resposta foi um sonoro e ensurdecedor silêncio. Como se os céus se fechassem e lá do alto o Todo Poderoso cruzasse os braços e só contemplasse o desdobramento da sua não intervenção. Chateado e triste, chorei.

Mas foi um "não" bastante didático. Comecei a perceber coisas que sem a menor sombra de dúvida sequer passariam pela minha cabeça se tive corrido tudo da maneira que eu queria. Aprendi bastante. Aprendi também que a fé não é um jogo com cartas marcadas e que o ser humano por si só não é capaz de produzi-la. " a fé vem pelo ouvir e o ouvir PELA palavra de Deus". Não adianta pensamento positivo, isso só te deixa despreparado para uma resposta negativa ou para um possível silêncio divino.

Acho que também conquistei certa autonomia diante do Todo Poderoso depois disso. Não quero dizer que agora faço o que quero como bem entendo, que tomo minhas decisões sem me importar se elas são ou não agradáveis a Ele, mas quero dizer que é como de lá de cima Ele olhasse e dissesse: "Você não precisa de mim pra trazer resultados positivos, use a cabeça. Vai na fé. Garanto que tudo vai dar certo. Pode não ser fácil, mas garanto que vai dar certo."

No fim o que ficou foi a lição de que na dúvida (ou por fé) peça duas coisas depois de expor sua vontade diante de Deus. Primeiro que seja feita a vontade Dele acima de qualquer coisa. Segundo, caso a resposta seja negativa, que sua alma esteja preparada para recebe-la e haja capacidade em você para superar os desdobramentos desse "não".

Comentários