O começo do fim. Reflexão 5#




Acredito que chegamos a uma época em que o cristianismo está no banco dos réus. Não são poucas às vezes em que o modo de vida que cristãos assumem como adequado está sendo julgado e frequentemente é condenado. Claro que somente o cristianismo. Parece que todas as outras ideologias religiosas, por mais absurdas que possam ser, passaram de repente a ser uma alternativa às ideias cristãs. O anti cristianismos ainda não é generalizado, mas por ser difundido por pessoas que gozam de alguma credibilidade social, politica ou educacional acaba por se tornar uma realidade cada vez mais presente.

É um fenômeno recente apesar de já estar se alastrando como um câncer pela sociedade. Sou da geração que ouviu falar da credibilidade cristã. Sou da geração que não viveu, mas ouviu falar. Minha avó e meus sogros contam de uma época em que atestado de boa conduta era assumir o título de cristão. O cara que se dizia crente era já considerado como boa pessoa. Isso claro era realidade antes de eu largar as fraudas. E não, trinta anos são bem pouco tempo se considerado dentro de uma perspectiva histórica de dois mil anos de existência e hegemonia cristã.

Fico pensando em três motivos que possam justificar essa revolução. O primeiro é um cristianismo de aparências que acaba por ser uma maquiagem para iludir a maior quantidade de pessoas possível, inclusive o próprio praticante. Esse vai desde vidas pouco afetadas pela mensagem do evangelho e se manifesta em uma má compreensão daquilo que ser crente realmente significa, não evidenciando na vida desse indivíduo qualquer sinal de nova existência, chegando ao seu aspe na criação do negócio igreja que está mais preocupada em comercializar a fé do que em difundir aquilo que Cristo ensinou.

Esse leva ao segundo motivo que acredito ser a manifestação do primeiro. Como as pessoas se recobrem desse manto de aparência, exigem que aqueles que estão a sua volta passem a se recobrir também desse mesmo manto sob a desculpa de que a sua aparente nova criatura é o que Deus quer que todos sejam. Em nada mais são cristão a não ser pela burca que vestem. É de um farisaísmo mais generalizado do que na época de Jesus. Enquanto estes eram predominantemente da elite religiosa, hoje existem fariseus em toda a classe cristã que nada mais são do que a manifestação de um padrão moral humano, e deixa de lado qualquer cunho religioso em essência de relacionamento o Deus todo poderoso criador dos céus e da Terra.

O terceiro motivo está no lado oposto ao que está na igreja, é o resultado dessa distorção da compreensão da bíblia. É aquilo que o mundo secular vê quando olha para o crente. Como as pessoas pararam de ver nos cristãos o padrão moral que exigem da sociedade o cristianismo passou a ser sinônimo de mentira para o mundo. Pregamos o que não somos e exigimos o que não temos. Somos os que possuem as pedras e não havendo quem diga que "atire a primeira pedra quem não tiver pecado" apedrejamos a todos. Fico impressionado com o discurso raivoso de pseudocristão acusando, desferindo palavras más, de ódio, que não edificam, mas antes só suscitam mais ódio e rancor.


Minha sugestão é um evangelho de orientação nunca de reprimenda. Cristo nunca criticava quem estava fora da igreja, antes agia com amor. O objeto de sua ira era de quem estava dentro das sinagogas. Mas antes disso necessitamos de uma autoanálise sincera. Nada de fazer uma postura de "existe gente pior que eu". Cristo se fez menor que os anjos e o apóstolo Paulo mesmo se chamaram de o pior dos pecadores, por que deveríamos agir de maneira diferente? Se não resgatarmos a humildade cristã, não sobreviveremos.

Comentários

Oliver Jones disse…

Someone necessarily assist to make critically articles I might state. That is the first time I frequented your website page and thus far? I surprised with the research you made to create this actual put up incredible. Wonderful activity! craigslist minneapolis
Oskar Glauber disse…

I don't even know how I ended up here, but I thought this post was great. I do not know who you are but definitely you're going to a famous blogger if you aren't already ;) Cheers! all of craigslist